1665

Prefeitura Municipal de Ibirapuã

Pular para o conteúdo

Ibirapuenses discutem melhorias para saúde na 4ª Conferência Municipal

Fonte: https://portalsbn.com.br/noticia
27/05/2019 às 21h49

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Ibirapuenses discutem melhorias para saúde na 4ª Conferência Municipal

“Espero que durante essa Conferência de Saúde surjam bastante ideias que vão melhorar as iniciativas de saúde para o município e também a nível nacional. Participar desse evento é poder fazer parte do avanço e da história da saúde pública do nosso país. E as melhorias para o nosso município são incontáveis com essas ações”. Diz Elicácia de Souza Pereira, enfermeira na unidade de saúde da família em Vila Portela.

Aconteceu nesta quinta feira 25 de abril a 4ª Conferência Municipal de Saúde em Ibirapuã – Ba, o evento foi realizado na Secretaria Municipal de Assistência Social e contou com a participação de aproximadamente 150 pessoas, sendo estes profissionais da área de saúde, comunidade em geral e estudantes do município.

O evento teve como tema principal "Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS (Sistema Único de Saúde)”. O objetivo da Conferência Municipal de Saúde é trazer para o município, para o Estado e depois para uma esfera Federal um debate, uma discursão a respeito do SUS e nesse caso especificamente sobre o financiamento do SUS, esse é um tema que surgiu a aproximadamente 30 anos mas depois ficou esquecido e agora vendo a necessidade de melhorias na área da saúde pública a discursão voltou e está em pauta novamente, para análise de como está funcionando, como está sendo gasto e quais as estratégias que estão sendo abordadas.

Para a Secretária Municipal de Saúde, Andrea Carmona a realização dessa conferencia é quase uma culminância do trabalho que está sendo desempenhado nessa área. “Nós trabalhamos dia a dia nas nossas possibilidades, tendo a disponibilidade de recursos altíssimos, que o Prefeito graças a Deus tem essa sensibilidade de repassar os recursos além do que é obrigatório por lei, que é de 15% e tem sido repassado mais de 25%, isso é algo que a gente não pode deixar de enxergar, essa sensibilidade que a gestão tem com a saúde pública. Sabemos que tem que melhorar muito ainda, não conseguimos atender todas as necessidades, o SUS é universal, e tem que atender toda população e os recursos não conseguem alcançar. Então sentar num evento de tamanha importância e discutir com a equipe e com a população o que tem que melhorar é de suma importância. É um momento da gestão que a gente ver e fala o que tem sido feito no município, e também saber o que a população tem sentido com o nosso trabalho é muito gratificante”. Disse a Secretária.

Durante o evento aconteceu uma palestra com o Secretário Municipal de Educação Sergio Mendes, que também já foi Secretário de Saúde do município, ele explanou sobre o direito a saúde e democracia como direito do cidadão já consolidado na Lei 8.080, de 19 de setembro de 1990 e também na constituição Federal. Dentro desse direito também colocou a necessidade de entender o Sistema de Saúde, que é um sistema universal e da dificuldade de funcionar no Brasil por ser um país continental cheio de problemas e com muitas desigualdades, mas ressaltou que a política do SUS é muito bonita. “O SUS é um sistema universal e integral o que significa que tem que atender a todos e atender a pessoa em todas as suas necessidades, seja ela desde a promoção de saúde até a prevenção e do tratamento até a cura se for o caso, tem que atender melhor quem menos tem, a quem mais precisa. As pessoas precisam entender que saúde pública não é um favor, que é um direito de cada um, que a gente tem que atender, e atender bem as pessoas para que possa ter uma reação positiva tanto de quem recebe o serviço como de quem oferece”. Disse o Secretário e também falou um pouco sobre a carta de direito do cidadão que é homologada pelo próprio SUS.

O prefeito Calixto Ribeiro presente no evento, falou sobre a importância da conferência para discutir e alcançar cada vez mais melhorias na área da saúde pública, que é uma das mais difíceis. Também fez questão de agradecer e parabenizar os funcionários de saúde do município pelo trabalho desempenhado, que recentemente alcançou o primeiro lugar em produtividade na classificação da Microrregião do Estremo-Sul. “É uma alegria e uma honra participar desse evento, a saúde do nosso município é prioridade na nossa administração, é de suma importância, temos tentado e lutado muito para fazer o melhor, buscando sempre melhorias em todas as áreas, desde o atendimento até os procedimentos que precisam ser feito. Buscamos sempre empenhar o máximo de recursos possíveis nessa área por entender a sua importância”. Disse o prefeito e ainda ressaltou a importância da participação da população no evento e também do cuidado que deve-se ter com o atendimento dos pacientes que procuram as unidades de saúde do município.

O evento teve seu início com um café da manhã, em seguida o credenciamento dos participantes, palestra, divisão dos grupos de debates, plenária, apresentação das propostas e eleição dos delegados.

“Tudo que é em prol do cidadão, seja ele rico ou pobre é de suma importância, então esse evento vem somar o que já temos e se Deus quiser multiplicar, espero que as ideias expostas aqui por pessoas de várias áreas da população tornem-se leis e voltem para nossa comunidade, porque a saúde é um elo muito frágil e tudo que vier para acrescentar é muito bom e bem vindo. Que nossas propostas vão para plenária estadual e retornem em forma de leis embasadas e fundamentadas para o bom uso do dinheiro público em prol do povo”. Disse o Presidente do Conselho Municipal de Saúde município Marcos Antônio Silva Monteiro, que também se fez presente no evento.